test

segunda-feira, 17 de abril de 2017

El desorden que dejas (Carlos Montero)























Publicado por: Espasa










Publicado em: 2016













quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Mexico (Josh Barkan)









Sinopse
The unforgettable characters in Josh Barkan’s astonishing and beautiful story collection—chef, architect, nurse, high school teacher, painter, beauty queen, classical bass player, plastic surgeon, businessman, mime—are simply trying to lead their lives and steer clear of violence. Yet, inevitably, crime has a way of intruding on their lives all the same. A surgeon finds himself forced into performing a risky procedure on a narco killer. A teacher struggles to protect lovestruck students whose forbidden romance has put them in mortal peril. A painter’s freewheeling ways land him in the back of a kidnapper’s car. Again and again, the walls between “ordinary life” and cartel violence are shown to be paper thin, and when they collapse the consequences are life-changing. These are stories about transformation and danger, passion and heartbreak, terror and triumph. They are funny, deeply moving, and stunningly well-crafted, and they tap into the most universal and enduring human experiences:  love even in the face of danger and loss, the struggle to grow and keep faith amidst hardship and conflict, and the pursuit of authenticity and courage over apathy and oppression. With unflinching honesty and exquisite tenderness, Josh Barkan masterfully introduces us to characters that are full of life, marking the arrival of a new and essential voice in American fiction.















Publicado por: Hogarth











Publicado em: 2017













quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Top 10 de 2016!




clique nas imagens para acessar as postagens














Perfect Days (Raphael Montes)













Romeo Y Julieta (William Shakespeare)












A Bela e a Fera (Jeanne-Marie Leprince de Beaumont, Gabrielle-Suzanne Barbot de Villeneuve)














Fin (Fernanda Torres)













Um quarto (Nina Fall)













My Father the Pornographer (Chris Offutt)













De mim já nem se lembra (Luiz Ruffato)














When the Doves Disappeared (Sofi Oksanen)













Los corruptores (Jorge Zepeda Patterson)













Um Homem Chamado Ove (Fredrik Backman)












Obrigada pela companhia em 2016!



quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Perfect Days (Raphael Montes)









Sinopse da 
edição original
Téo é um solitário estudante de medicina que divide seu tempo entre cuidar da mãe paraplégica e examinar cadáveres nas aulas de anatomia. Durante uma festa, ele conhece Clarice, uma jovem de espírito livre que sonha tornar-se roteirista de cinema. Ela está escrevendo um road movie sobre três amigas que viajam em busca de novas experiências. Obcecado por Clarice, Téo quer dissecar a rebeldia daquela menina. Começa, então, uma aproximação doentia que o leva a tomar uma atitude extrema. Passando por cenários oníricos, que incluem um chalé em Teresópolis e uma praia deserta em Ilha Grande, o casal estabelece uma rotina insólita, repleta de tortura psicológica e sordidez. O efeito é perturbador. Téo fala com calma, planeja os atos com frieza e justifica suas atitudes com uma lógica impecável. A capacidade do autor de explorar uma psique doentia é impressionante – e o mergulho psicológico não impede que o livro siga um ritmo eletrizante, repleto de surpresas, digno dos melhores thrillers da atualidade. "Dias Perfeitos" é uma história de amor, sequestro e obsessão. Capaz de manter os personagens em tensão permanente e pródigo em diálogos afiados, Raphael Montes reafirma sua vocação para o suspense e se consolida como um grande talento da nova literatura nacional.










Publicado por: Penguin Press










Designer: Rachel Willey











Publicado em: 2016










Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...